Cruzeiro vence o Patrocinense no Mineirão e garante vaga na final do Troféu Inconfidência

O Cruzeiro venceu, mas não deixou uma boa impressão no duelo contra o Patrocinense, disputado no Mineirão na tarde deste sábado, pela semifinal do Troféu Inconfidência. Apático em campo na maior parte do tempo, o time misto escalado pelo técnico Enderson Moreira encontrou muita dificuldade para vencer a equipe de Patrocínio, que tem pouco mais de duas semanas de treinos e foi montada apenas para disputar a reta final do Campeonato Mineiro, inclusive com jogadores do futebol amador da cidade no elenco. O placar de 3 a 0 foi construído na etapa final.

Sem criação, lento e desentrosado, o Cruzeiro precisou de 59 minutos furar a retranca do Patrocinense e abrir o placar. E o gol saiu de uma jogada que teve como origem uma  bola parada.  Aos 11 minutos do segundo tempo, o zagueiro Ramón aproveitou cobrança de escanteio de Machado e abriu o placar. O segundo gol saiu aos 31, com o atacante Roberson. O garoto Maurício, que fez um bom jogo, marcou o terceiro aos 35. Os três gols da Raposa foram marcados de cabeça.

Considerando a fragilidade do adversário, a apresentação do Cruzeiro, ainda que sem a equipe principal, mostra que o time vai precisar evoluir muito para a disputa da Série B, que começa no próximo final de semana, contra o Botafogo de Ribeirão Preto, no Mineirão

Garantida na decisão, a Raposa espera agora o vencedor do duelo entre Uberlândia e Boa Esporte, neste domingo (2), no Parque do Sabiá

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*